terça-feira, 29 de novembro de 2011

Memórias: Queen Elizabeth



O último dia deste mês de Novembro marca o regresso do novíssimo navio Queen Elizabeth, a mais recente “jóia” da lendária companhia Cunard Line, depois da estreia entre nós a 2 de Janeiro deste ano.

As três escalas com que a Cunard Line nos brindou este ano são sinónimo da relevância que os Açores têm vindo a conseguir nos últimos anos. A visita do ilustre "Cunarder" certamente não passará despercebida, uma vez que estaremos na presença de um dos mais mediáticos navios da actualidade, operado pela famosa Cunard Line, uma das maiores referências da história marítima do século XX.


Categoria: ****+
Companhia: Carnival Corp.
Operadora: Cunard Line
Construtor: Fincantieri, Monfalcone (Itália)
Ano de Construção: 2010
Tonegagem: 92,000 t
Comprimento: 294m
Boca: 32,3m
Calado: 8m
Potência: 4x MaK 12 M 43 C diesels, 2x MaK 8M 43 C diesels, 64MW 2x Pods
Velocidade de serviço: 22 nós
Capacidade máxima de passageiros: 2092
Elementos de Tripulação: 1046
Oficiais: Britânicos
Vida a bordo: Premium
Bandeira: Hamilton, Bermuda


Este navio foi inaugurado a 11 de Outubro de 2010, no famoso porto de Southampton, em Inglaterra, numa cerimónia que contou com a presença da rainha Isabel II, madrinha do navio.


Esta escala nas Portas do Mar (12.00h-18.00h) integra-se num cruzeiro de 23 dias às Caraíbas, com início e terminus em Southampton. Depois de deixar o Terminal das Portas do Mar, o Queen Elizabeth irá rumar a Barbados, primeira paragem contemplada no périplo pelas mais referenciadas ilhas da zona Este das Caraíbas.


O Queen Elizabeth é quase idêntico ao gémeo Queen Victoria, ambos evoluções da Vista Class, embora tenha maior capacidade de arqueação bruta e ligeiras diferenças à popa e no deck 11. Por esta razão, é o segundo maior navio da Cunard Line, companhia esta que continua a ter no Queen Mary II o seu navio almirante!


Pelo aspecto exterior, podemos afirmar que o Queen Elizabeth não se distingue de outros tantos navios baseados no projecto Vista Class, contudo é no seu interior que verdadeiramente nos surpreende!



Majestoso e requintado são adjectivos que se enquadram quando se pretende descrever os interiores deste navio. Outrora uma das maiores companhias de transporte de passageiros, a Cunard concebeu o interior deste navio como um lugar muito especial para se estar constantemente deslumbrado. 

 
Visitar este “Queen” é deparar-se com o magnífico Grand Lobby, um átrio impressionante, ou com áreas como o luxuoso Royal Court Theatre, o salão de baile Queen’s Room, o Yatch Club, Comodore Club, o Grill’s Terrace ou o acolhedor Garden Lounge.


Ao nível da restauração, é assinalável a imensidade de locais, bem como a requintada decoração e ambiência dos mesmos. Neste contexto, natural destaque para os restaurantes Britannia e Britannia Club e ainda para o Verandah Grill, Princess Grill e Queen’s Grill, três locais obrigatórios.


Em relação às demais comodidades, temos 2 piscinas, 5 jacuzzis, Casino, Health Club/SPA, todas elas habituais nos maiores e mais modernos navios da actualidade.


 
Em 2012 receberemos novamente a visita do gémeo Queen Victoria, com escala prevista para o dia 22 de Outubro

1 comentário:

BERMAXO disse...

Es un buque espectacular buen seguimiento saludos desde Las Palmas